sexta-feira, março 17, 2006

Palpitações

Palpitações

Vem nascendo
Adolescendo
Sentimentos
No corpo adulto

Vem crescendo
Pouco a pouco
Um novo amor

Vem brotando
Palpitantes
Emoções

Vem insônia
Conseqüência
Dessa excitação


MariaAngélica/Bilá

Um comentário:

Ludiro disse...

Seu poemas são muito encantador!
Gosto delas, inspiradoras, suaves, tem melodia e são ternas. Nos fazem viajar!
Você escreva e brinca ao mesmo tempo com suas palavra, tens um estílo diversificado e bem próprio!!
Um grande abraço e mande mais belas a este rico blog!!
^^Ludiro^^