domingo, dezembro 17, 2006

Amiga Secreta

Esse poema ganhei da Ge Fazio quando ainda era amiga oculta, nem tão oculta assim!
Muito obrigada à Ge por todo o carinho com que para mim.

Amiga(o) Secreta(o)

Amiga menina, amigo menino.
Nem sei... És corpo de princesa
Porte de rainha e a força
De um grande rei.
Assim me pareces!
És a majestade de teu ninho...
Hoje teu Reino...
Que belo rosto nos apresenta
teu álbum de fotos
E de lembranças...
Dizem que tu és tão doce
Quanto os potes cheios de mel.
De brincadeiras...
Faz-te Criança
Brinca, corre trazendo brilho
por ande passas...
Dorme o sono mais profundo
e abre os olhos...
E já está
Entre os melados e as rapaduras
da antiga roça...
Ah! Que saudade
que também tenho do tão
Famoso capim gordura
da minha infância igual aTua...
Tão natural em nossa terra...
Lembra de teu tempo criança?
Ah! Amiga, amiga não estás mais tão oculto!
Faz parte de minha terra querida...
Meu berço que vejo asVez oculta...
Morro de amores por todo o povo
Da linda região sul
e amo demais a turma do nordeste
Posso andar pelo norte
E jamais abandono
o Meu querido Sudeste!
Amiga menina, amigo menino.
Nem sei... És corpo de princesa
Porte de rainha
e a força de um grande rei.
Assim me pareces!
Ge Fazio

Um comentário:

MariaAngélica disse...

Ge me surpreendeu com a capacidade de me reconhecer tendo me visto só virtualmente. Fiquei emocionada com este (quando ainda era amiga oculta)e o outro poema (o da revelação).
Há um pouco de exagero ( rs ) mas, pude reconhecer-me em quase todo ele.
Muito obrigada por todo o seu carinho, Ge!

E aqui, os links para conhecerem os presentes que ela me ofereceu, além dos poemas:
"Amiga Angélica... Mais um presentinho para Vc!

Entre!
Aqui vc Bebê, você mulher...

http://www.flogao.com.br/genifazio
______________________________

Aqui... Um espaço para os seus amigos...

http://www.orkut.com/Community.aspx?cmm=25027082 "